segunda-feira, 24 de abril de 2017

King Diamond​ - “Abigail” (1987)

Roadrunner Records

Mundo Metal [ Discos trintões ]



Jonathan La’Fey e Miriam Natias são um jovem casal que se mudam para uma velha mansão a qual Jonathan herdou. Ao chegarem ao local, ambos são avisados por um estranho grupo de cavaleiros negros à não permanecerem na casa, caso o contrario algo de terrível lhes aconteceria.

Mas ambos ignoram o aviso e Jonathan ainda debocha dos cavaleiros, se estabelecendo na mansão, entretanto, durante a primeira noite na mansão, o rapaz tem um encontro com o fantasma do Conde La’Fey, um antepassado seu.
Este revela a Jonathan que o espirito de "Abigail" havia possuído Miriam e que agora Jonathan deveria tirar a vida da própria esposa para evitar a morte de todos.

O parágrafo acima parece ter sido retirado de alguma sinopse de algum conto de terror dos mestres Stephen King ou John Carpenter, entretanto é um resumo da historia narrada no segundo disco da carreira solo do inconfundível King Diamond.

Esse é o primeiro trabalho totalmente conceitual concebido e idealizado pelo dinamarquês, o disco foi muito bem recebido pela critica e pelos fãs, "Abigail" rompeu de vez com o passado, mostrando que King Diamond era uma banda diferente do Mercyful Fate, principalmente no que se refere à técnica, além de possuir canções muito mais elaboradas e grandiosas permeadas com trechos de música clássica, King também passou a usar melhor sua voz explorando e obtendo novas variações de tons, o disco também faz muito uso de teclados.

Ao contrário de "Fatal Portrait" (1986), King produziu "Abigail" apenas com a ajuda do engenheiro de som Roberto Falcão,  produção essa, absurdamente pesada e cristalina, contendo arranjos minimalistas e muito bem elaborados.

Além de King integravam a banda: o baixista Timi Hansen (Mercyful Fate), o baterista Mikkey Dee (Motörhead, Scorpions), o veterano guitarrista Michael Denner (Mercyful Fate, Denner/Shermann), além é claro de Andy LaRocque que esteve presente em toda discografia do "Rei".


A sonoridade da banda consiste em um Heavy Metal tradicional da mais alta qualidade, mesclando momentos pesados e melódicos com maestria, tendo como característica marcante os vocais peculiares de King, que narram à história tratada com um incrível nível de detalhes, envolvendo o ouvinte numa narrativa densa, como se o mesmo estivesse lendo um livro ou até mesmo assistindo a um filme de terror.

Todas as canções do álbum são consideradas clássicos da  carreira do "Rei Diamante", destaque para “Arrival”, “Black Horsemen”, “Abigail”, a majestosa faixa título, é outra que sempre é muito lembrada pelos fãs, é nessa composição que se encontra um dos principais diálogos do conto retratado no álbum e “The Family Ghost” presença constante no “setlist” da banda.

Em comemoração aos 30 anos de lançamento desse clássico do Heavy Metal, a banda sairá em turnê executando o disco na íntegra, até agora só foi confirmada apenas uma data da turnê no Brasil que será na cidade de São Paulo, oportunidade rara de ver o mestre em ação.

“Abigail” é um daqueles registros que só por seu conteúdo lirico  magnifico e complexo já merece destaque e reconhecimento, o álbum impressiona por sua fascinante e enigmática historia contada através de suas canções.
Classifica-lo como o  maior disco conceitual do Rock/Metal, talvez seja exagero, mas dizer que esse é o maior conto de terror dentro do segmento não me parece ser tão absurdo.

Para o leitor que desconhece essa verdadeira obra prima, ouça-a  imediatamente, pois trata-se de um dos registros mais magníficos e majestosos do Heavy Metal, caso contrario, irá permanecer em  duvida se Jonathan terá ou não coragem de tirar a vida da própria esposa para poupar a sua e a de outros, desvendar, de quem afinal eram os estranhos cavaleiros negros, ou ainda, o que diabos significa “18 se tornar 9”.

Integrantes:

King Diamond - Vocal
Andy LaRocque  - Guitarra
Michael Denner - Guitarra
Timi Hansen - Baixo
Mikkey Dee - Bateria 

Faixas:

01. Funeral
02. Arrival
03. A Mansion in Darkness
04. The Family Ghost
05. The 7th Day of July 1777
06. Omens
07. The Possession
08. Abigail
09. Black Horsemen


Por Vitor Hugo Quatroque

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...