domingo, 4 de setembro de 2016

Lançamento: Sodom - "Decision Day" (2016)


Diz a lenda que o Sodom não decepciona. 

Talvez essa afirmação seja repetida tantas vezes pelo fato da banda nunca ter se desviado de sua musicalidade característica, talvez por que o Metal é carente de nomes que se mantiveram fiéis a sua proposta inicial, ou até mesmo por que é uma banda conceituadíssima e os fãs sempre irão gostar de seus álbuns, independente do quão bons eles realmente sejam. 

A humilde opinião deste que voz escreve é de que o trio capitaneado por Tom Angelripper merece todos os méritos por jamais ter se desviado do Thrash rápido e cortante que os consagrou. É claro que em uma discografia longa como a do Sodom, existem álbuns ótimos, bons e até mesmo medianos, não é por que é agressivo e mantém-se o ímpeto dos primórdios, que a criatividade estará sempre em alta, sendo assim, vez ou outra temos sim, discos menos afortunados e com qualidade menor.

Porém... vez ou outra acontece o inverso e os caras estão afiados, super criativos e com sangue nos olhos. Quando isso acontece, nascem obras do mais alto gabarito, obras simplesmente fantásticas e sem ressalvas, obras como "Decision Day".

Confesso que este novo trabalho da banda me fisgou de imediato, os registros do Sodom são sempre insanos e sabemos mais ou menos o que esperar de cada um deles, porém os riffs matadores, solos surpreendentes, as mudanças de andamento, os vocais perfeitos e refrões grudentos contidos nas composições do novo álbum, são do mais puro bom gosto e simplesmente promovem uma renovação total no Thrash pra lá de competente executado pela banda.


"Decision Day" é aquele raro caso em que os músicos acertam em cheio no alvo e concebem um registro sem pontos fracos. Todas as músicas são fantásticas e o destaque que faço é com relação a homogeneidade do disco. Da primeira à última canção, somos presenteados com Metal do mais alto padrão, aquele viciante, convincente, relevante e capaz de te fazer ouvir o trabalho por diversas vezes em seguida. 

O Sodom hoje conta com Tom Agelripper (baixo e vocal), Bernemann (guitarra) e Makka (bateria), esta formação só havia gravado "Epitome Of Torture" (2013) e parece que agora a banda se encontrou como um time de verdade. Tudo soa perfeito e me arrisco a dizer que "Decision Day" estará no topo das listas de melhores do ano, o que não é pouco se levarmos em conta a qualidade dos lançamentos de 2016 até o momento.

Não citei nenhuma faixa, pois ao fazer isso precisaria descrever cada uma delas com a mesma intensidade. O que você precisa saber sobre esta pérola do Thrash Metal contemporâneo, é que se caso for um fã do estilo, você precisa escutar este álbum. Altamente recomendado. Mais do que isso, audição obrigatória!


Integrantes:

Tom Agelripper (baixo e vocal) 
Bernemann (guitarra) 
Makka (bateria)

Faixas:

 1. In Retribution 
 2. Rolling Thunder 
 3. Decision Day 
 4. Caligula 
 5. Who Is God? 
 6. Strange Lost World 
 7. Vaginal Born Evil 
 8. Belligerence 
 9. Blood Lions 
10 Sacred Warpath 
11. Refused to Die 
12. Predatory Instinct (Bonus track)

por Fabio Reis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...