sábado, 11 de junho de 2016

Dave Mustaine: Hank Shermann afirma que Dave impediu participação de King Diamond em show do Volbeat


Segundo uma recente declaração do lendário guitarrista do Mercyful Fate, Hank Sherman, quando o músico excursionou com a banda Volbeat na Gigantour de 2012, na passagem por Dallas, Texas, King Diamond teria sido convidado para subir no palco e tocar o clássico "Come To The Sabbath". 

Na versão de Shermann, não foi possível que essa participação especial ocorresse, pois Dave Mustaine, líder do Megadeth e Headliner do festival, teria barrado o mestre King por causa da letra da canção do Mercyful Fate ser contra as atuais convicções do músico.

King Diamond compareceu ao evento, a banda Volbeat tocou a introdução de "Come To The Sabbath" em meio a sua apresentação e King da platéia, cantou os versos iniciais. 

Dave Mustaine possui um longo histórico de episódios desse tipo, onde alguns se mostraram verdadeiros e outros, apenas boatos. Apesar de ser impossível saber o que realmente aconteceu nesta ocasião, o ocorrido sendo retratado por um músico com total credibilidade como Hank Shermann, fica difícil desmentir.

As declarações precisas de Hank Shermann para o programa Vita In Musica foram as seguintes:

"Aparentemente, Dave Mustaine não queria que King subisse no palco e cantasse aquela letra satânica, então, King veio ao show e ele foi avisado, foi-lhe dito algo como " Hey King, você não tem permissão (de Mustaine) para tocar por alguma razão". Isso foi muito engraçado

Shermann continuou: "O por que disso tudo, eu realmente não tenho a menor idéia. Eu não sei se de repente Mustaine tinha realmente encontrado Deus, ou, você sabe, por qualquer motivo parecido. (risos), mas isso foi muito estranho, você sabe, porque anos antes, eles foram muito bons amigos. Megadeth fez turnês com King Diamond nos anos 80, portanto, nenhuma das mudanças que a banda (Megadeth) passou, justificaria isso, mas você sabe, eles eram bons rapazes e eu gosto muito deles, lançaram alguns registros realmente ótimos ao longo do tempo."



Em 2014, Mustaine deu a seguinte declaração para a revista Decibel: 

"De tanto tocar com bandas como essas eu comecei a pensar: 'Quer saber, Dave? Você é um headliner, se você não quer tocar com pessoas que fazem você se sentir desconfortável, você não é obrigado"

E aí bangers, mais uma vez uma polêmica envolvendo Dave Mustaine e o veto de um artista com ideologias diferentes das dele. É sabido por todos que a maioria das bandas de Black Metal não aceitam tocar com bandas cristãs, nesse caso, estaria ocorrendo o contrário, estariam os artistas com ideologias satânicas provando um pouco do que eles mesmos fazem? 

A opinião que o Mundo Metal tem a respeito disso tudo é que qualquer veto a qualquer artista pelo simples fato de possuíram ideologias opostas, não passa de uma tremenda babaquice. Cada um que faça sua música e use o tema que quiser, quem quiser ouça, quem não simpatizar ou não gostar de um tema em específico abordado, não escute tal artista. Simples assim!

por Fabio Reis